domingo, 16 de outubro de 2011

OCORRÊNCIAS POLICIAIS NA REGIÃO DE MACAU/RN

Na Madrugada da última sexta feira (14), por volta das 00h40, a Central de Operações da PM de Macau recebeu informações anônimas que houve um possível assalto no município de Guamaré. Diante da informação, foi acionado o Grupo Tático Operacional (GTO) e em diligências para a cidade de Guamaré, ao passar pelo Distrito de Diogo Lopes - Macau/RN, a guarnição observou atitudes suspeitas por parte de duas mulheres suspeitas de tráfico de drogas naquela localidade.
Diante destas fundamentadas suspeitas, e com a ajuda de uma popular, o GTO realizou uma abordagem, cujo resultado gerou na prisão de Jaqueline do Nascimento Nunes, mais conhecida como “Boca Royal” e apreensão da adolescente de iniciais J. K. R. F. vugo “Kelinha”, a qual se encontrava com dez pedras de “crack”.
 Em seguida, o GTO se deslocou à residência da aliciadora de “Kelinha”, onde lá foi encontrada a pessoa de Franciana Fernandes da Silva, a qual estava de posse de 22 pedras de crack, 10 trouxinhas de maconha e R$ 113,00 ( cento e treze reais) de forma fracionada.
Nesse momento, foi dada a voz de prisão e apreensão às infratoras e, logo após foram conduzidas à Delegacia de Macau.  
Ainda no dia (14/10/11), por volta das 21h, a Central de Operações da 1ª CIPM recebeu uma ligação, a qual informava que na Trav. Manoel da Cruz (Beco do Facão) Macau/RN havia algumas pessoas comercializando droga. Ao Comando do Major Fernandes, juntamente com a guarnição do GTO, foi verificado a presença de 04 (quatro) pessoas em frente à residência nº 05 do Beco do Facão, sendo elas DEDÉ DE PANDA, HENRIQUE, EDU e CRISTIANE, os quais tentaram correr para dentro da casa onde vendiam a droga, ocasião em que foram pegos 02 deles antes de entrarem, sendo DEDÉ DE PANDA e CRISTIANE.
Em seguida, a polícia entrou na residência, a qual servia de ponto de venda de droga, e logo foi encontrando HENRIQUE e EDU, e em cima da mesa foi encontrado 01 (um) prato com 01 (uma) Gilette e 83 (oitenta e três) sacos de dindin, material usado para o acondicionamento da droga, sendo que os sacos de dindin estavam enrolados dentro das fraudas da criança.

Nesse momento, foi feita uma revista na casa, descobrindo-se dentro da gaveta de uma cômoda a quantia de R$ 154,00 (cento e cinqüenta e quatro reais), em cédulas de R$ 50, 20, 10, 5 e 2; e, em cima da caixa d’água, dentro de casa, foram encontradas 34 (trinta e quatro) trouxinhas de maconhas, já acondicionadas nos referidos sacos de dindin; bem como foi encontrado um pedaço de maconha prensada.
Diante das provas, a polícia deu voz de prisão a JOSÉ MARCOS DA SILVA, conhecido por “Dedé de Panda”, CLAUDIO HENRIQUE DA COSTA NOBRE, conhecido por Henrique, EDUARDO FERNANDES MONTEIRO DA SILVA, conhecido por “Edu” e JACIARA PATRÍCIA, conhecida por “Cristiane”, e conduziu todos eles à 5ª DRPC em Macau.
FLAGRANTE; PORTE ILEGAL DE ARMA
Já por volta das 2h15min da madrugada de ontem 15 de outubro, a PM do Destacamento Policial Militar de Pendências – 1ª CIPM recebeu uma ligação telefônica informando que dois elementos num veículo Celta, de cor preta, estavam atirando defronte ao Bar das Morenas na cidade de Pendências/RN.
A guarnição composta pelo 1º Sgt Santos e 3º Sgt Barbalho chegou ao local indicado, e lá foram informados que os elementos haviam saído em direção a Alto do Rodrigues, momento em que saíram em perseguição aos infratores.
Chegando próximo ao matadouro da cidade de Alto do Rodrigues/RN, os Sargentos conseguiram encontrar os dois elementos, os quais estavam num bar daquela localidade. Com o apoio dos policiais militares Sd Ernandes e Sd Erlon do Alto do Rodrigues, a equipe abordou primeiro o meliante de nome IRAILTON DA SILVA COSTA, conhecido como Chalera,o qual detinha em seu poder uma arma de fogo tipo revólver Marca Rossi, cano curto, nº AA310022, com cinco munições.
Em seguida, os policiais abordaram o outro elemento de nome IDENILDO DA SILVA COSTA, o qual tinha em seu poder um revólver Taurus, cal. 38, cano longo, nº 923535, com seis munições.
No interior do celta preto, ainda foram encontradas mais seis munições, um capuz de cor preta e vários cartões de bancários.
Na ocasião, a equipe policial e as testemunhas identificaram o elemento IRAILTON DA SILVA COSTA, vulgo “Chalera”, autor de vários crimes na região e que estava preso ou em Caicó ou em Alcaçuz.
Diante dos fatos apresentados os elementos receberam voz de prisão e foram conduzidos à 5ª DRPC de Macau, onde se juntaram aos quase 50 presos do CDP daquele município.

Nenhum comentário: