Sliders01

Sliders02

,

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

PM PRENDE VÂNDALOS QUE COLOCARAM FOGO NA VIATURA DA CIDADE DE PARAÚ/RN

Em um minucioso trabalho investigativo os policiais do 10º batalhão que tem a frente o dedicado Major Marinho, conseguiram prender dois elementos acusados de terem colocado fogo na viatura da cidade de Paraú
O caso aconteceu na madrugada de hoje 13 de Janeiro por volta das 01:30h, os acusados são Francisco José da Silva, 22 anos mais conhecido por quininho natural de Paraú e  residente na serra de João do Vale e Carlos Eduardo Lopes vulgo Nênem ou pé-de-pato residente na rua José Leão centro de Paraú, segundo informações dos acusados ainda existe um terceiro elemento conhecido por Juninho de Tonheira.
Segundo os acusados o motivo foi porquê a polícia prendeu uma moto de um deles e ambos tiveram a triste idéia de tal ato.
LOJÃO DAS REDES E ANNY BABY
Em Assu você tem o LOJÃO DAS REDES e ANNY BABY duas lojas com tudo para casa, mesa e banho e uma grande variedade para recém-nascido ambas com um único objetivo sempre com o melhor preço e um ótimo atendimento.
Aceitamos seu cartão de crédito visa master e hiper, parcelamos em até 6x, venha fazer uma visita.
A loja fica localizada na Praça Getúlio Vargas, 244, centro de Assu/RN próximo ao Correio, Telefone (84)3331-5633
VEJA AS FOTOS DA LOJA AQUI!

2 comentários:

Anônimo disse...

Meus amigos conterrêneos de parau esses meliantes estão há muito tempo aterrorizando paraú, eles são especialistas em roubo de anomais e tráfico de drogas. o foragido é Peteca bastante conhecido na cidade e é metido a valentão e também faz parte dessa quadrilha. Um agricultor daí foi vítima desses cabras de peia, eles levaram televisão, caixa de som, ovelhas, em fim, deixaram o cidadão de bem sem nada. Todo mundo sabe que foram esses três que atearam fogo na viatura e outro camarada, que mora lá perto, mas a justiça no Brasil é uma porcaria, por isso eles não estão preso. por isso que as vezes o cidadão de bem resolve fazer justiça com as próprias mãos.

Anônimo disse...

everdade