quarta-feira, 19 de agosto de 2020

Acúmulo de lixo nas ruas de Parau e a prefeita/marido querendo enganar o povo com maquiagem

Veja no PRINT acima a conversa com a moradora que enviou as fotos

Pelas imagens que chegam a redação do FOCOELHO, a cidade de Paraú-RN parece não ter mais jeito administrativamente, pelo menos enquanto durar o mandato-tampão da desastrosa administração dos Eufrásio.

Uma moradora da rua Maroca Veras nos enviou hoje (19/08/2020), um registro fotográfico da situação de abandono em que se encontra aquela urbe, lixo, entulho e esgoto   a céu aberto, ela conta que a situação do lixão formado próximo a sua casa já se arrasta há um mês, o mesmo problema acontece em diversos pontos da cidade, fato que pode ser comprovado por qualquer cidadão com um simples passeio pelas ruas daquela cidade.

Segundo a moradora, quando a noite chega, mosquitos, pernilongos, além de ratos e outros insetos passeia pela rua, ela narra que do esgoto que sangra, a fedentina é insuportável e a administração não faz o que é de sua obrigação, não recolhe o lixo, nem o entulho, muito menos conserta o esgoto. Aquele conjunto de imundices no meio da rua produz um ambiente insalubre, cenário perfeito para a manifestação de vários males, capazes de hospedar nos moradores, doenças como diarreia aguda, hepatite, entre outras patologias que podem levar a quem for contaminado, à morte.

O que temos assistido é a falta de preocupação da gestão municipal com a saúde dos seus munícipes, fato que vem levando preocupação e uma alta rejeição da população de Paraú pela forma descuidada, vergonhosa com que a prefeita vem administrando aquela sofrida cidade.

Tá na hora do Ministério do Público do Rio Grande do Norte focar sua lupa investigativa sobre a pequena e mal administrada cidade de Paraú-RN.

A moradora nos pediu que guardássemos sua identidade, o faremos resguardados no art. 5º, inciso XIV da CF de 1988 e, não revelaremos nem sobre tortura.

Nenhum comentário: